Costelas e Hidromel #036 – Mitologia em Filmes

Neste programa:

Exploramos a cultura pop, principalmente os filmes, para tentar encontrar as referências mitológicas utilizadas como base para criar estórias tão incrivelmente boas… ou ruins.

Passeamos por diversas culturas europeias para encontrar seres diminutos, metamorfos e belos que inspiram e incentivam o imaginário nos mais diversos ambitos.

Acompanhem-nos em mais esta viagem, desta vez com um trajeto um pouco mais descontraído sobre MITOLOGIA EM FILMES.

Participantes: Guilherme Vertamatti, Leandro Vallina (Filmes e Games), Mauricio Franco (Filmes e Games) e Renato Sevegnani

Citações:
– Gremlins
– Lobisomen
– Leprechaun
– Huldra

Filmes e Games: filmesegames.com.br/
FGCast: http://filmesegames.com.br/category/colunas/fgcast/

Livro “Cobaias de Lazaro”: https://www.facebook.com/cobaias.de.lazaro

Ouça em nosso player:

feed1 feed2 feed3

 

 

Já acabou? Ouça outros podcasts!

Conheça nossos Produtos OFICIAIS!
GIF

 

GRUPO DE OUVINTES NO FACEBOOK

GRUPO DAS LIVE STREAMS DO MEIA-LUA

Nosso e-mail: contato@meialuaprafrentesoco.com.br

Twitter: @meialuafsoco

 

Parceiros:

Fabrica Nerd (cupom de desconto: meialuaprafrentesoco)

 

E.V.A Toys

Old School Pixel Art

Papercraft Arts

Kellstore

Nerdsy


Renato Sevegnani

Formado em Ciências da Computação, por culpa dos jogos de computador e da BBS/internet, com especialização em qualidade de sistemas e atuando com certificação de sistemas de pagamento. Chato e coerente-incoerente. Profissional em começar jogos e livros e nunca terminar a maior parte deles. Prefere uma boa estória à qualidade gráfica, jogos por turno a tempo real. Acha que FPS tem que ser com mouse e teclado e que sensores de movimento são legais. Fã de dinossauros, Nintendo, cultura japonesa, cinema, zumbis, GURPS e Vampire. Quando lendo, prefere estórias fantásticas às com base no mundo real.


  • Ema Noel

    Muito foda o cast, nunca tinha parado pra pensar na origem dos monstrinhos verdes do Spielberg, quem diria que um dia foram bons.
    Passa o meu perfil pra Huldra aí, vai que eu dou uma sorte
    Ah e é ” O Ema Noel” mesmo, sou um Ema macho

    • Guilherme Vertamatti

      HAuhauah Não dá para acreditar que os monstrinhos verdes eram alguma coisa agradável né? Eu tinha uma ideia da base, mas também não sabia que eles eram bons. Achava que eles simplesmente cagavam aviões, hehe. Vantagens de estudar coisas alternativas.

      Opa, tem que mandar bem com ela, mas cuidado para não mandar bem demais, se não ela gama, hauahauh

      HAUAHUAHAU imaginei, depois que li os dois nomes juntos.

      • Ema Noel

        Se for pra morrer, que seja feliz

        • Guilherme Vertamatti

          Que melhor maneira de se ir, não?

  • Rafael Borsari

    Saudações galerrrrrraaa 😀
    Excelente podcast com convidados dignos de mesmo peso, abraço ao Mau e o Leandro.

    Acho que vai ter parte 2 e 3 deste podcast por que ta faltando muitas outra referências de criaturas mitológicas que são citadas e caracterizadas em filmes e séries.

    Algumas informações extras que podem ser importante:

    Crias da noite têm fraqueza contra prata pois a mesma é associada a lua, em primórdios da humanidade o ouro e a prata eram tidos como pedaços que caiam do céu dos respectivo sol e lua. Como as criaturas da noite possuem um forte simbolismo com a lua nada mais justo do que usar “fogo contra fogo”. Desta maneira somente é possível ferir um lobisomens, bruxa(demoniaca) e vampiros com o material supremo deles.
    Obs.: O termo Silver Bullet é utilizado até hoje como solução para todo um problema, exemplo X coisa é bala de prata para todos Y Problemas.

    Com relação ao comentário sobre Wicca é válido ressaltar que o Wiccano não acredita na “magia” em sim mas em todo um panteão e que os ritos, fetiches e feitiços nada mais são do que a canalização dessa energia da entidade junto com a do conjurador, nada muito diferente por exemplo do rituais presentes nas igrejas(Missas afins), feitiços como orações que possuem passagens e dizeres com um proposito de canalização e por fim o encantamento do simbolismo.
    Não é uma crítica mas apenas uma informação extra 🙂

    É possível sim ter assistido Xena e Heracles com Kevin Sorbo 😀 e assistido castelo RaTiBum eu o fazia nas minhas tardes em tempos com menos preocupações.

    Acredito que seja só 😀

    Abraços Vertamatti e Sevengnani(<– O nome dificil kkk)

    • Guilherme Vertamatti

      Cara, dá para fazer uma parceria com eles e ficar louco de tando material hehe. Btw, escute o cast de Matrix deles e veja o comentário que eu deixei lá 😉

      Valeu pelas informações sobre a prata! Lobsomem é um material tão extenso que eu fui literalmente surpreendido com a pergunta do Le sobre isso! Ainda bem que eu não tô sozinho nessa e tenho caras como você do meu lado para me tirar dessas roubadas! HAUHAUHA Valeu!

      Muito legal as informações sobre a Wicca, como sempre eu não tenho a menor intenção de desrespeitar ninguém, foi falta de conhecimento meu mesmo! Sou muito curioso sobre isso, acho que daria um bom papo num bar, ou taverna, para aprender ainda mais sobre isso, hehe.

      Realmente, parece que eu viajei mesmo em ficar surpreso com isso, a TV aberta está de parabéns na sua capacidade de rodar os mesmos programas, hauahau

      • Rafael Borsari

        Eu vi lá que realmente faz todo o sentido e inclusive não fui atrás mas eles contenteza utilizaram essas referencias como Mopheus e a referência do Alice no País das Maravalhas.

        Essa questão do lobisomem foi pesquisada na hora parei o cast e fui atrás, por que apareceu aquela curiosidade 🙂 kkkk Fique tranquilo estamos aqui para ajudar no que for possível kkk

        Não se sinta mal pela curiosidade de maneira nenhuma não foi meu intuito ser agressivo e nem nada, era para esclarecimento mesmo kkkk Como você eu sou curioso também e me aprofundei bastante nestes campos mais ocultos por assim dizer kkkk Sempre que for citado algo relacionado sempre que possível vou tentar esclarecer da melhor maneira possível.

        Sim a TV Aberta é um doce com seus Loops continuos kkkk Têm gente que ainda assisti o bendido Chaves kkkk E boa parte da audiência do SBT depende disso kkkk

        Abraços e até o próximo encontro nas tabernas da vida kkkk

        • Guilherme Vertamatti

          Verdade! Aliás Alice no País das Maravilhas e Através do Espelho (referencio curta e grossa no Matrix) é um cast que vou fazer com mais carinho que o próprio de Zelda. São meus livros prediletos e sou apaixonado por aqueles mundos e estórias.

          Opa! Pode trazer quanta info quiser! A gente quer é aprender também, ensinamos o que sabemos, mas sorvemos de novas informações com o mesmo entusiasmo!
          Sempre respeitaremos tudo, sejam culturas e religiões vivas ou mortas. 😉 E sempre queremos saber de tudo!
          Eu pensei em ir atrás na hora, mas a pauta do programa, só com a parte mitológica, já estava com quase 6 páginas de texto hehe. Ainda faremos um cast só de licantropia e suas variantes, pois tocamos apenas a pontinha do iceberg desse assunto.

          Meeeeu, verdade, tinha esquecido do chaves como melhor exemplo de loop infinito que uma TV pode ter. Acho que até os meus filhos vão assistir Chaves no SBT se quiserem, hahahaha.

          Grande abraço.

    • mau_franco

      Valeu Rafael,
      Um abraço pra vc tb…é uma honra gravar com a galera do Costelas…

  • Pedro Alexandre

    Caramba o monstro da zuera tava solto nesse costelas kkkkk
    Bem, como vocês abordaram bastantes filmes clássicos e o Sr. Cabeludo ali já falou da série onde o negócio da família é salvar pessoas e matar monstros, vou deixar mais duas que eu acho bem legais aqui:
    Hemlock Grove, série original da Netflix, muito boa mesmo, tem lobisomen, vampiro e até monstro de Frankenstein é sanguinária e bem sombria.
    A outra se chama Penny Dreadful, eu assisti no Netflix, mas passa no HBO, também temos aqui a mesma temática, vampiros, lobisomens, Frankenstein, demônio, tem até o Dorian Grey, a história se passa em Londres no século 19 se não estou enganado, no começo nós vemos um magnata chamado Sir Malcolm Murray, que precisa de ajuda, pois sua filha foi levada/raptada e precisa da ajuda de várias pessoas pra resgatá-la, não vou escrever muito, para não dar spoilers, mas a série é bem legal mesmo.

    Bem foi um ótimo podcast como sempre, abraços o/

    • Guilherme Vertamatti

      São duas séries que eu preciso conferir mesmo! Já me indicaram várias vezes, principalmente o Penny Dreadful.

      Tava foda segurar a zoeira pois o amor por mitologia colidiu com o amor pelo cinema! Aí é fogos de artifício para tudo quanto é lado!

      No próximo as coisas voltam ao normal, mas não foi a última vez que soltamos as rédeas dessa forma, hehe.

      Grande abraço

      • Pedro Alexandre

        Que isso eu gosto da zuera, pode deixar solto assim mesmo que ta bom kkk

        • Guilherme Vertamatti

          HAuahau que bom que gosta, mas vamos tentando equilibrar, pois, diferentemente dos Deuses Gregos, nós não podemos ser partidários numa guerra entre gregos e troianos. 😉

          Entretanto, uma besteira aqui e ali a gente sempre deixa 😛

  • Junior Cabeludinho

    Vamos meter o bedelho aqui!!

    Vertamatti, a conversa vai continuar.. mais hidromel! kkkkkkk

    Cara, o tema é filmes mais um lugar que faz uma destruição em muitos pontos de seres e formas que são conhecidos e recolocados de alguma outra maneira, é um seriado… Super Natural. Sou fã e lá eles constroem uma mitologia toda deles e destroem bastante as já existentes, entrei no mundo de super natural de cabeça aberta pois se for entrar ara criticar as colocações dos seres … não da para assistir! Acho que nesta serie da para umas boas discussões…. precisaríamos de toneis de Hidromel!! Mandem um pombo correi para Frei TUK!!!

    Abraçoss!!!

    • Guilherme Vertamatti

      Cara, eu costumo assistir as coisas com a mente bem aberta sempre! Preciso vencer minha preguiça e dar uma chance para essa série.
      Sempre que tem coisas relacionadas a vampiros e lobsomens, é difícil até criticar, hehe, já que as lendas sofreram mutações brutais através das décadas.

      Em geral, a literatura costuma ser muito mais “purista” que o cinema, mas os games ainda são os campeões de deturpar tudo isso.

      Eu curto tudo, rio, acho as referências, critíco e assisto mais 30 vezes, heheh. É muito melhor ser feliz que ser cricri hehe.

  • Junior Cabeludinho

    E ai Galeraa!!!!

    Cara eu cresci sobre as mitologias do bom e velho RPG de mesa, e aprendi a adorar literalmente o Grande Deus J.R.R. Tolkien e suas obras maravilhosas, e assim seu universo e o modo de tratar seus seres, sempre bateram bastante com oque eu imaginava deles pela minha base D&D.

    Onde quero chegar é que em âmbito geral todos que tem esta base, quando lê ou assiste filmes onde a forma que nos apresenta ou explica a criatura é diferente ou mantem mais foge muito ao que se sabe sobre ela em seus hábitos e personalidade, gera um incomodo absurdo.

    Comento isto pois é qoeu sinto quando colocamos em pauta mitologia de filmes, pois é uma relíquia o escritor/diretor colocar em primeiro lugar estas coisas já existentes e manter estas características.

    Tanto que apesar de antigo e ter uma história de alguma forma muito simplória eu colocaria entre os melhores da antiguidade um filme chamado “Coração de Dragão” pois creio que ele em muitos aspectos se torna fiel ao que acredito de um senário que seria medieval, misturado com a terra média.

    agora Guilherme Vertamatti, para continuarmos a conversa me traga 2 costelas bem salgadas e Uma caneca de hidromel da quarta norte!

    😉

    • Guilherme Vertamatti

      Eu devo estar com cara de garçom, ao invés de senhor do Hall, hauhauahauhauha, mas sirvo sim, com todo o prazer, meus amigos e convidados!

      É verdade cara, todo escritor/diretor quer colocar seu “toque pessoal” nas suas criações, nem que seja para foder o rolê e transformar o lobsomem num cavalo ou o vampiro numa fada…
      Entretanto é sempre legal, tendo o conhecimento base, ver através dessa roupagem que colocam e perceber que o centro ainda está lá. Tanto que eu sou apaixonado louco por mitologia celta e isso me faz ver com IMENSO carinho o segundo filme do HellBoy, mesmo com todas as deturpações que eles apresentam.

      Coração de Dragão é maravilhoso! Ser fã desse filme é ganhar pontos facilmente comigo e com o Sevegnani hehehehe.

      Agora tome um guardanapo meu caro, você está babando gordura da costela pelo canto da boca! hauahauha

      • Junior Cabeludinho

        Nunca um mago de minha ordem babaria gorduras…. mentira.,. estas costelas são tão boas me me torno praticamente um anão no meio de uma boa festa!!!!

        Meu amigo…. agora se você conhece és velho como eu!!
        Lembra de um filme de 94 .. mais especificamente 27/07/1994 .. Dragão de estimação (Dragonworld)
        pois é meu amigo, lembro deste filme e de assisti-lo muitassss vezes… que mais eu queria.. Dragão, Escocia, Gaita … meu pai do céu!!
        Mais fica a dica para quem não liga para um gráfico e uma montagem mais antiga 😉

        Grandes abraços, e obrigado por me servir Sr. do Hall, quando vier das terras da Grande Senhora, não esquecerei deste banquete.

        • Guilherme Vertamatti

          Cara, esse filme era muito divertido mesmo! Adorava!

          Só que tinha um que eu gostava mais no início dos anos 90. Chamava Meus amigos Dinossauros, ou algo assim, Que o menininho acha uns dinossauros em miniatura e cria eles no quarto. Não sei se lembra desse.

        • Junior Cabeludinho

          O cara não é que eu lembro! kkkkkkkkkkk
          Só não foi um dos meus prediletos. Mais foi da minha irmã mais nova que é uam amnte dos dinossauros… desde antes do Little Foote.
          kkkk
          É fantástico, eu era mais fã de, Um ninja Americano, Um herói de verdade(acho q era este o nome), Hackers, Mulher nota 1000 .. entre outro.. a sempre gostei de muica coisa, que até hoje assisto kkkkkk!!!

        • Guilherme Vertamatti

          HAuhau “Em busca do vale encantado”! Esse desenho era demais. Não importa quantas vezes eu visse, minha mente de criança sempre torcia para a mãe dele aparecer viva, junto com os avós, no final do filme. Eu acreditava que era impossível e inviável, os pais faleceram antes dos avós… Pena que era só na minha cabeça ingênua que isso valia.

          Tem váaaaarios filmaços! Espere um pouco que eu e o Re estamos preparando algo relacionado a isso para o nosso canal do Youtube. Vem coisa boa ae!

        • Junior Cabeludinho

          OWWWW YERRRR!!!!

2012-2017 | Meia-Lua