Pro Evolution Soccer 2019 – REVIEW

Nova versão do jogo de futebol traz gráficos incríveis e mudanças na jogabilidade

Mais um ano está chegando ao fim e é claro que não poderia faltar o lançamento de um dos jogos mais aguardados pelos apaixonados por futebol. Pro Evolution Soccer 2019 é uma aposta forte da Konami para esse ano, prometendo gráficos incríveis e uma jogabilidade que se aproxima muito da realidade. Mas será que as mudanças fazem deste o melhor PES dos últimos anos? Confira a seguir na nossa análise.

Jogabilidade evoluída

 

É indiscutível que todos os anos, PES tenta se esforçar ao máximo para conseguir alcançar um nível de jogabilidade que possa dar ao jogador a sensação de estar em um jogo de futebol real.Este ano a versão está com um ritmo mais cadenciado e a velocidade de jogo foi drasticamente reduzida para aumentar ainda mais esse realismo. Os passes de bola estão melhores que em sua versão 2018, por exemplo, tornando os passes mais estratégicos e divertidos de se fazer. Com a estratégia de deixar o jogo mais realístico possível, é divertido trocar os passes com seus companheiros até a área adversária e fazer um gol.

 

O jogo também conta com um verdadeiro arsenal de novos movimentos e dribles(individuais de jogadores mais conhecidos), a forma em que é física é aplicada como quando os jogadores vão chutar a bola ou dar alguma cabeçada é muito bem representada aqui. Porém, em alguns momentos( e não foram poucos), sempre que tocava a bola para que algum companheiro de equipe a chutasse para o gol, imediatamente ele dava um passo para preparar o pé correto e chutar, isso atrapalhava muito o movimento, pois a lentidão era grande.

 

Existe também um sistema de física aplicada ao contato com outros jogadores, isso serve para que se a carga que você tiver em outro jogador for considerada forte demais, pode acarretar em faltas.Isso é muitas vezes perceptível ao tentar roubar a bola em alta velocidade,trombando um outro jogador, consequentemente é marcada a falta. Em outras ocasiões,também nota-se, como a carga em que os defensores possam fazer nos atacantes, caso a marcação seja feita com muita força, o jogador adversário pode perder o equilíbrio e ter uma falta marcada.

 

Os goleiros, por outro lado, são um problema que versões anteriores também tem sofrido. Em muitos momentos, quando chutamos a bola em direção ao gol, fazem defesas inexplicáveis(onde um jogador real não poderia fazer), e em outros levam gols absurdamente bobos, onde a bola seria facilmente defensável.

A Konami precisa trabalhar em algum conceito da IA dos atletas dessa posição que é de suma importância pra experiência de um jogador. Problemas esses que podem ser corrigidos com eventuais patchs futuros.

Gráficos impressionantes

 

Um dos fatores que impressionam em PES 2019 são seus gráficos que pela primeira vez chegam em 4k tanto no Playstation 4 Pro, como no Xbox One X. Essa mudança gráfica foi significante para que a Konami decidisse de vez abandonar a franquia para a geração passada de consoles( Playstation 3, Xbox 360) e focar exclusivamente na atual geração.

É perceptível o cuidado na reprodução de estádios mundialmente conhecidos, como o Maracanã, e ver a beleza gráfica que está em cada detalhe. É de arrepiar quando times que conhecemos sobem até o campo e ouvimos seu hino e a torcida gritar ovacionada e como esses detalhes se assemelham tanto ao que acontece na vida real.

 

Quando o jogo começa e a bola está rolando, temos outro salto gráfico incrível. Em alguns momentos,quando aproximamos a câmera em zoom, podemos perceber detalhes do gramado em que a altura pode ser configurada no menu, e a bola amassando ao correr por ele. Existem também diferenças nas mudanças climáticas de PES 2019.

Podemos escolher o clima da partida a partir do menu, porém, percebi que ao colocar um clima aleatório e o tempo estiver nublado, eventualmente durante a partida, uma chuva pode ocorrer de um tempo para o outro, afetando não só a jogabilidade por deixar o gramado mais escorregadio, mas, afetando também ao jogadores os deixando mais pesados. Também durante a chuva ao darmos Zoom, é nítida a beleza em que a água marca os uniformes e os jogadores, deixando esse aspecto ainda mais real.

Também temos a volta de um clima que era muito pedido pelos fãs, a neve. Presente nas versões antigas de PES, temos o retorno desse clima que além de alterar a jogabilidade dos atletas, traz um elemento a mais nas partidas.

 

Os licenciamentos

 

PES tem sofrido todos os anos com os licenciamentos, ou a falta deles. Em comparação com seu maior rival, FIFA, que possui a maioria dos licenciamentos de jogadores e das ligas europeias, PES não possui o licenciamento  das principais e tenta inovar com uma jogabilidade mais realística para aumentar a imersão dos jogadores e tentar suprir a necessidade de times e ligar licenciadas. Porém, essa é uma questão que incomoda jogadores em todo o mundo.

Além de perder os principais campeonatos, como: Uefa Champions League , Europa League e Libertadores da América. PES perdeu também a licença de diversos clubes expressivos na Europa, como o Atlético de Madrid, Manchester United, Manchester City, Juventus, entre outros. Claro que clubes deste nível ainda estão presentes no jogo, com nomes e uniformes genéricos, porém, todos gostariam de jogar um clássico espanhol entre Real Madrid e Barcelona e não entre MD White e Barcelona.

Em contraste a isso, parece que a Konami tem investido muito com relação a licenciamento no Brasil,como o Campeonato Brasileiro ser inteiramente licenciado, com times e uniformes atualizados, dando ao jogador brasileiro um gosto maior de poder vestir a camisa do time de coração e poder fazer aquele clássico que mais gosta na vida real.

 

O MyClub mais completo

 

O modo My Club, famoso por ser o modo online mais jogado de PES tem novidades. A primeira delas é a maneira em que os jogadores são apresentados em forma de cards. Com informações como Overall entre outras. O sistema de contratação está mais simples. Há uma série de opções para encontrar seu alvo com a ajuda de olheiros.

As temidas “bolas” também deram seu lugar a uma rápida cena antes do jogador ser apresentado ao time.

 

Para finalizar o modo MyClub, existe também uma aba chamada Novidades. Nesta aba são divulgados eventos com uma data específica onde o jogador pode adquirir atletas e como fazer para adquiri-los.

Liga Master, a experiência em comandar um time

 

O modo onde você é um verdadeiro técnico e precisa administrar os jogadores em busca de títulos também ganhou novidades.  O menu está muito bem limpo e fácil de localizar todas as principais opções. Também existe um feed que relata o dia a dia do clube e desempenho dos jogadores na mídia.

 

O modo também ganhou uma forma de facilitar as negociações com os jogadores utilizando os olheiros. Eles são os responsáveis por procurar novos talentos, tanto na categoria de base do seu time ou estrelas de times renomados. O modo ficou menos burocrático, ao tentar negociar com o jogador, oferecer uma proposta e caso ele aceite o que foi ofertado, ele irá para seu time sem maiores problemas.

 

Rumo ao Estrelato

O  famoso modo que nos coloca na pele de um jogador também ganhou novidades. Os menus se mantém no mesmo formato da Liga Master que por sua vez mantiveram muitos dos aspectos visuais que foram apresentados na versão anterior do jogo, PES 2018.

Para os que não estão familiarizados com o modo, ele consiste em levarmos um jogador a conquista de todos os títulos, vivenciando o dia a dia dele, passagem por clubes e até aposentadoria. Caso o jogador decida criar um novo atleta, ele começara em clubes de pequena expressão e vai evoluindo com o passar do tempo, ganhando experiência até ser chamado para novos clubes e posteriormente até a seleção de seu País de escolha.

Se engana quem acha que a jornada é fácil. Para onde mandarem seu jogador, se ele estiver em início de carreira, ficará muito tempo amargando o banco de reservas, seus colegas raramente vão passar a bola para você, a menos que ganhe a confiança deles. É uma questão de tempo.

 

Conclusão

PES 2019 sem dúvida alguma é o jogo mais bonito de toda a série. Com gráficos que levam a perfeição e mudanças na jogabilidade que elevam o aspecto realismo. Porém, sofre de problemas como a falta de licenciamento e a IA limita de seus goleiros, o que pode frustrar alguns jogadores. Apesar disso, PES 2019 cumpre bem seu papel e eleva a experiência do jogador a um nível nunca antes alcançado.

Pro Evolution Soccer 2019 já está disponível para Playstation 4, Xbox One, e PC.

Quer saber tudo sobre esse excelente jogo de futebol? Clique aqui para mais notícias em nosso site


Felipe Resque é um aprendiz de dublador, fã de The Last of Us e jogos que fazem derramar suor masculino pelos olhos. Acha Leon melhor que o Chris e que aprender história com Assassin's Creed é mais legal que no ensino médio. Ex aluno de Rádio e Televisão.


2012-2017 | Meia-Lua